Novidades do Blog

Rollover x Postura do Arado, Pilates x Yoga

Este exercício normalmente é indicado para ser feito no final das aula pois exige que todo o organismo esteja aquecido, o praticante já esteja concentrado, com muita percepção corporal para executar. Além disso, devido a sua natureza ele facilita o relaxamento que é sempre bem vindo no final de uma prática.

No pilates, chamamos este rolamento das pernas para o alto da cabeça de rollover. Algumas escolas trabalham com o afastamento das pernas em determinada fase (o que facilita muito o movimento no retorno) e outras mantem o mesmo afastamento pedindo muito controle. Há quem pratique com um acessório nos pés para dar mais controle e energia nas pernas, mas o apoio dos membros superiores contra o chão fazem toda a diferença. Sempre que executar, você deve inclusive usar a força dos tríceps contra o chão. E a cabeça, do começo ao fim do exercício permanece no chão.

Já no yoga, chamamos de halasana, postura do arado e ao aproximar os pés do chão lá no alto da cabeça permacemos, com ou sem o apoio das mãos contra o quadril. No pilates, o movimento é fluido, mas no yoga a permanência é um fator importante. Parar e evoluir dentro da postura (asana) física e mentalmente. Então você constrói a postura e permanece, com os pensamentos no que está fazendo naquele exato momento, isto é: coloca sua mente neste exercício e lá permanece.

Seja qual for a modalidade que você pratica, este exercício traz uma grande lista de benefícios:

  • Combate a prisão de ventre, pois estimula o sistema digestivo.
  • Ajuda na regulagem da tireóide
  • Pode aliviar dores nas costas, além de terapêutico para insônia e sinusite
  • Facilita a ampliação a caixa torácica, ajudando no processo respiratório
  • Descongestiona a região da garganta
  • Rejuvenesce todos os sistemas do organismo
  • Tem um efeito calmante e restaurativo do sistema nervoso simpático
  • É indicado para reduzir os sintomas da menopausa

Benefícios suficientes para te convencer a praticar? Se estiver começando agora, melhor esperar um pouco, este movimento não é dos mais fácieis e um bom profissional pode te dar todo este respaldo. Boa prática, evoluções e até a próxima…

Por Ge Gurak

Instrutora que atua há mais de 14 anos com Pilates e Yoga e teve a chance de aperfeiçoar-se na Índia, além de possuir especialização em ZEN•GA™ e representar o método Garuda® no Brasil. Conduz suas aulas no Centro de Treinamento da TcPilates (www.tcpilates.com.br)

Compartilhe este Post

Opiniões

Os comentários aqui postados não representam nossa opinião.
A responsabilidade é exclusiva do autor da mensagem.

Dê sua Opinião