Novidades do Blog

Tensão Cervical!

Hoje vamos falar de um problema que atinge milhões de pessoas: tensão cervical!

Quem nunca sentiu tensão advinda do pescoço? Muitas vezes acompanhada de dores de cabeça, tensões nos ombros, formigamento nos braços e mãos, as disfunções da cervical são bastante comuns e devem receber uma atenção especial.

Analisando a postura dos indivíduos da vida moderna, percebemos que o posicionamento alinhado da cabeça é constantemente desafiado pelo uso de computadores, celulares e horas à frente da televisão, por exemplo. Sentimos o peso da cabeça sobre o nosso pescoço ao longo do dia.

Esse desalinhamento constante da cabeça pode gerar rotações vertebrais, alterações do tônus muscular e irritação dos nervos. A dor pode ser irradiada para a região da cabeça, ombros e braços devido à diminuição do fluxo sanguíneo e espasmos da musculatura.

Mas atenção: existem outros problemas que podem causar tensões na região do pescoço, como disfunções da ATM (mandíbula) e alterações encefálicas. Caso a dor persista, procure seu médico.

Algumas situações rotineiras podem gerar esse estresse cervical, como por exemplo, má postura à frente do computador, leitura na cama, uso excessivo do celular (andando, sentado, deitado)

Os princípios do método Pilates podem ser grandes aliados para o alívio das dores cervicais. Trabalha-se o alinhamento e mobilidade das vértebras, o acionamento das musculaturas profundas que sustentam a nossa estrutura esquelética, o alívio das tensões musculares e o aumento dos espaços, descomprimindo as vértebras.

Você sabia que Joseph Pilates já pensava nessas questões e por isso utilizava um acessório chamado Head Harness para fortalecimento específico da cervical? Muitas vezes ele usava as próprias molas do Cadillac para atingir o mesmo objetivo. O Head Harness não é muito fácil de ser encontrado, mas podemos pensar em aplicar os mesmos princípios com outros instrumentos do Studio Pilates.head harness

Convido você a conhecer e praticar os exercícios abaixo, cuidando da saúde da sua cervical.

  • Acordando os músculos!

Deitado, procure sentir os apoios firmes da sua coluna no solo, principalmente cabeça, meio das costas e sacro (região do cóccix ). Movimente um braço para o alto enquanto gira a cabeça para o outro lado.Perceba a movimentação que acontece em suas escápulas, ombros e pescoço.

2014-10-07 17.39.38

Em posição quadrúpede, mova um braço por baixo do outro, movimentando também a cabeça e o tronco, como se fosse “ouvir” o chão. Repita algumas vezes até sentir leveza na região dos ombros e  escápulas.

2014-10-07 17.35.54

  • Despertando a percepção dos seus movimentos

Experimente perceber o quanto você pode mover sua cervical em posições diferentes. Apoie a testa sobre uma bolinha murcha, organize seus ombros e movimente sua cabeça para frente e para trás e de um lado para o outro.

2014-10-07 17.34.30

  • Fortalecimento cervical com círculo mágico, faixa e bola

Já que não temos o Head Harness em casa, podemos usar acessórios fáceis para fortalecer os músculos do pescoço.

Encostando a cervical sobre uma bola murcha, que se apoia na parede, podemos fazer uma leve pressão trazendo o queixo para dentro e para cima. A mesma movimentação pode ser realizada utilizando o círculo mágico do Pilates e também faixas elásticas.

2014-10-07 17.31.582014-10-07 17.37.45

  • Aliviando as tensões

E depois de estimular os músculos cervicais , é necessário ensiná-los a relaxar. Você pode utilizar a bola murcha embaixo da cervical e mover lentamente a cabeça sobre ela. Movimentos circulares são bem vindos.

Atenção: cuidado para não utilizar uma bola muito cheia.

2014-10-07 17.41.19

Espero que a matéria dessa semana possa ajudar você a minimizar os efeitos da má postura nas tensões cervicais. Em breve volto com mais dicas de como cuidar da saúde da coluna através do Pilates!

Até a próxima!

Viviane Vales

Educadora Física, Especialista em Atividade Física Adaptada e Pilates. Instrutora PMA-CPT

Compartilhe este Post

Opiniões

Os comentários aqui postados não representam nossa opinião.
A responsabilidade é exclusiva do autor da mensagem.

Dê sua Opinião